Mesas

Mesa 1
Carla
Mesa 3
Marcus
Mesa 8
Cris
Mesa 10
Victor Hugo
Mesa 11
Amanda
Mesa 12
Juliana
Mesa 14
Karina

quinta-feira, 30 de junho de 2011

.volta.


...

Se tu pudesses compreender
A solidão que é
Te buscar por aí
Andando devagar
A vagar por aí
Chorando a tua ausência

Vence a tua solidão
Abre os braços e vem
Meus dias são teus

Oh, volta
Que nos braços meus
Não haverá adeus
...

.me despir.

Sou sentimento, desejo, paixão.O Fogo que arde no coração.
Sou a água da sua sede.
Sou o chão, teto e parede...

Sou o vento no horizonte,
A saudade faz a ponte.
Sou a lágrima de felicidade,
A parte mentira da verdade...

o brilho nos olhos de alguém.
A lembrança da estação de trem.
A sinceridade do espinho,
O caminho que caminho
Nunca mais estar sozinho,
tens contigo meu destino.

Me fez bem demais, te levar ao céu.
Poder ficar em paz, me deixar ser seu
Posso ser quem sou, me despir.
Te conheci amor...
meu amor.

(Marcus de Carvalho/Julio Neto)

Saúde, de novo!


Texto extraído do blog: http://alem-daqui.blogspot.com/

SAÚDE!!!
Um brinde a tudo e a todos...
Aos sinceros e aos nem tanto...
Um brinde à coragem dos que se mostram...
Aos que se entregam e aos que se reservam...
Um brinde aos encontros e desencontros
Um brinde à loucura alheia... e à loucura própria...
Um brinde a vocês...
Um brinde a mim...
Um brinde ao Pub!!
Um brinde à sinceridade do espinho...
Um brinde também aos “porquês”!!
Um brinde á língua portuguesa e a sua hecatombe gramatical!!
UM BRINDE AO DIA 14 DE NOVEMBRO!!
À tomografia computadorizada...
À vértebra fraturada...
Um brinde ao ar-condicionado!!!
Um brinde aos brindes!!!

...

Falar a verdade as vezes não basta, é preciso mentir pra descobrir o que os olhos escondem e que possivelmente o coração não sinta mais.
A mentira... A mentira é uma verdade ainda não dita – se mentires pra mim, eu acredito na tua verdade.
Sempre tem aqueles que correm atrás da verdade, que são três:
1° verdade – a minha
2° verdade – a tua
3° verdade – a verdadeira
Seria perfeito sabermos quando alguém está mentindo... O cara começa a falar e de repente - bééé - acende uma luzinha vermelha. Seria perfeito... será? Particularmente, prefiro não saber da verdadeira verdade...
Eu, sou a parte mentira dela.

.é o que parece.

Para aquele que é o que parece, o que parece é.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

.great time with you.

...
'Nós deixamos na metade
Muita coisa por fazer
E às vezes dá vontade
De voltar pra resolver
É que quando estamos juntos
Qualquer coisa vale muito
Se é que dá pra me entender
Tudo isso na verdade
Se chama felicidade
E não é fácil de esquecer'
...

.você.

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!

Fernando Pessoa
 
 

.cabelo.

Uma amiga minha disse que sempre achou
que seu cabelo dava ótimas dicas de quem ela era...
 e achei engraçado que a descrição que ela fez de si
em nada se aproxima da forma como eu a vejo.

Realmente, minha visão está contaminada.
Minha amiga sempre diz:
“nossa visão está sempre contaminada pelos nossos pressupostos”

Então.... como eu a vejo?

Seus cabelos me dizem que ela é uma mulher ativa,
que brilha naquilo que faz.

Dizem que ela sabe que sem dedicação e cuidado não se vai ao longe!

Revela ainda que é preciso ser maleável,
ser rápida e ágil em suas decisões,
além de estar sempre preparada para enfrentar as intempéries da vida.

Nos momentos críticos prendê-los sim,
porque uma ventania poderá lhe cobrir a visão.

E para fechar com chave de ouro... revelo mais...
seus cabelos longos, pretos e brilhosos
indicam que ela não se prenderá aos moldes pré-estabelecidos pela sociedade.
Que ela será o que quiser ser, independente do espaço e do tempo.

Agora os meus cabelos.....
Devido a profusão de cortes e tons exigem uma avaliação pra lá de Freudiana!
[ Cris ]


 

.eu quero apenas.

Pelos mais de 2000 acessos...

Eu Quero Apenas
Composição : Roberto Carlos / Erasmo Carlos

Eu quero apenas olhar os campos,
Eu quero apenas cantar meu canto,
Eu só não quero cantar sozinho,
Eu quero um coro de passarinho,
Quero levar o meu canto amigo,
A qualquer amigo que precisar.

Eu quero ter um milhão de amigos
E bem mais forte poder cantar
Eu quero ter um milhão de amigos
E bem mais forte poder cantar

Eu quero apenas um vento forte,
Levar meu barco no rumo norte
E no caminho o que eu pescar
Quero dividir quando lá chegar
Quero levar o meu canto amigo
A qualquer amigo que precisar

Eu quero crer na paz do futuro,
Eu quero ter um quintal sem muro
Quero meu filho pisando firme,
Cantando alto, sorrindo livre
Quero levar o meu canto amigo
A qualquer amigo que precisar

Eu quero amor decidindo a vida,
Sentir a força da mão amiga
O meu irmão com sorriso aberto,
Se ele chorar quero estar por perto
Quero levar o meu canto amigo
A qualquer amigo que precisar

Venha comigo olhar os campos,
Cante comigo também meu canto
Eu só não quero cantar sozinho,
Eu quero um coro de passarinhos
Quero levar o meu canto amigo
A qualquer amigo que precisar



.2000.

mais de duas mil pessoas abriram este blog em 17 dias.

Ministério Dagente Adverte:

Vezenquando fazbem prassaúde.

.Hey, Jude.



.think.


.'se está difícil, provavelmente, valerá o esforço'.


.repica.

.e tudo tem conserto.

Depois dos 30, continuamos errando. Continuamos não sabendo. Continuamos esperando. Mas, pelo menos, temos uma breve ideia de onde queremos chegar. Não é fácil, eu admito. Existe uma pressão no mundo para que você se torne uma coisa: GENTE GRANDE. Aí, meu querido, começa a batalha… Você TEM que ter um diploma, uma carreira, um namorado, um casamento, um filho, um cachorro. (Mesmo que não seja a lista dos sonhos de sua vida). Você tem que cortar o cabelo, tirar o piercing, encompridar a saia, comprar um biquíni maior, aposentar suas calças rasgadas e blusas de banda. (Apesar de achar seu novo “eu” um tanto demodê)… Mas criança grande que sou, ainda acho os 30 são a melhor coisa do mundo. Que se danem as contas, as rugas e demais amolações. As paranóias dos 20 (finalmente!) acabaram. Agora você é um ser sublime e sem espinhas. E – digam o que quiserem! – você nunca mais vai morrer de amor. INVENÇÃO MINHA? Não, acho que não. Depois dos 30, a gente sofre com mais dignidade. A gente sabe que toda dor passa. E entende que – tirando a morte e a lei da gravidade – tudo tem conserto.
(Fernanda Mello)

.e o Vinícius?.

Para Viver Um Grande Amor
Vinicius de Moraes

Para viver um grande amor, preciso é muita concentração e muito siso, muita seriedade e pouco riso — para viver um grande amor.

Para viver um grande amor, mister é ser um homem de uma só mulher; pois ser de muitas, poxa! é de colher... — não tem nenhum valor.

Para viver um grande amor, primeiro é preciso sagrar-se cavalheiro e ser de sua dama por inteiro — seja lá como for. Há que fazer do corpo uma morada onde clausure-se a mulher amada e postar-se de fora com uma espada — para viver um grande amor.

Para viver um grande amor, vos digo, é preciso atenção como o "velho amigo", que porque é só vos quer sempre consigo para iludir o grande amor. É preciso muitíssimo cuidado com quem quer que não esteja apaixonado, pois quem não está, está sempre preparado pra chatear o grande amor.

Para viver um amor, na realidade, há que compenetrar-se da verdade de que não existe amor sem fidelidade — para viver um grande amor. Pois quem trai seu amor por vanidade é um desconhecedor da liberdade, dessa imensa, indizível liberdade que traz um só amor.

Para viver um grande amor, il faut além de fiel, ser bem conhecedor de arte culinária e de judô — para viver um grande amor.

Para viver um grande amor perfeito, não basta ser apenas bom sujeito; é preciso também ter muito peito — peito de remador. É preciso olhar sempre a bem-amada como a sua primeira namorada e sua viúva também, amortalhada no seu finado amor.

É muito necessário ter em vista um crédito de rosas no florista — muito mais, muito mais que na modista! — para aprazer ao grande amor. Pois do que o grande amor quer saber mesmo, é de amor, é de amor, de amor a esmo; depois, um tutuzinho com torresmo conta ponto a favor...

Conta ponto saber fazer coisinhas: ovos mexidos, camarões, sopinhas, molhos, strogonoffs — comidinhas para depois do amor. E o que há de melhor que ir pra cozinha e preparar com amor uma galinha com uma rica e gostosa farofinha, para o seu grande amor?

Para viver um grande amor é muito, muito importante viver sempre junto e até ser, se possível, um só defunto — pra não morrer de dor. É preciso um cuidado permanente não só com o corpo mas também com a mente, pois qualquer "baixo" seu, a amada sente — e esfria um pouco o amor. Há que ser bem cortês sem cortesia; doce e conciliador sem covardia; saber ganhar dinheiro com poesia — para viver um grande amor.

É preciso saber tomar uísque (com o mau bebedor nunca se arrisque!) e ser impermeável ao diz-que-diz-que — que não quer nada com o amor.

Mas tudo isso não adianta nada, se nesta selva oscura e desvairada não se souber achar a bem-amada — para viver um grande amor.

.Alvin e os Esquilos.


Fonte: youtube.
Não sei que fez.

terça-feira, 28 de junho de 2011

.lembra.


LEMBRA
Marcus de Carvalho (feio)/Julio Neto

Lembro o que me disseste.
Que sentiria saudades de mim.
Dos momentos que estivemos juntos.
Das coisas que eu contava pra ti..
.

Lembro do teu sorriso.
Do brilho no teu olhar.
Das tuas mãos delicadas.
Das coisas que me contavas...

Lembro da nossa história.
... Nossas risadas.
Verdades ainda não ditas.
Do sentimento que guardo pra mim...

Lembro do adeus...
Lembro de ti...

.será possível?.

Será possível
Que vou passar
O resto da vida
Escrevendo sobre isso

Essa falta de sentido
O despropósito
Do amor e do ódio

Em sua equivalência
Essa grande e derradeira

Besteira

Em que cela estou preso
Por esse crime
Que ainda não cometi

Onde diz
Que é assim que deve ser?
Que não sei ler

Nenhum dos seus livros

Nem dos crentes
Nem dos físicos

São todos inimigos
Da verdade

No altar da universidade
Ou em uma certeza de joelhos

Somos todos aquele cego
Na praça

Ouve a música
Uma ou outra palavra

Mas não vê nada

Everton Behenck

Sacrifício de amor

.saudosismo.



Eu, você, nós dois
Já temos um passado, meu amor
Um violão guardado
Aquela flor
E outras mumunhas mais
Eu, você, João
Girando na vitrola sem parar
E o mundo dissonante que nós dois
Tentamos inventar tentamos inventar
Tentamos inventar tentamos

A felicidade a felicidade
A felicidade a felicidade
Eu, você, depois
Quarta-feira de cinzas no país
E as notas dissonantes se integraram
Ao som dos imbecis
Sim, você, nós dois
Já temos um passado, meu amor
A bossa, a fossa, a nossa grande dor
Como dois quadradões

Lobo, lobo bobo
Lobo, lobo bobo
Eu, você, João
Girando na vitrola sem parar
E eu fico comovido de lembrar
O tempo e o som
Ah! Como era bom
Mas chega de saudade
A realidade é que
Aprendemos com João
Pra sempre
A ser desafinados
Ser desafinados
Ser desafinados
Ser

Chega de saudade
Chega de saudade
Chega de saudade
Chega de saudade

.friooo.


Chê de Deus!!! Já não via a hora de começar a esfriar... tava louco pra estrear meu moletom novo.

.vezenquando.

.coisas boas se separam para que coisas melhores ainda se juntem.
.vezenquando.



.fato.

.um fato vale por um  mundo de promessas. (Howell)


segunda-feira, 27 de junho de 2011

.aqui, em mim.


.é como acertar na loteria e não ter o bilhete para retirar o prêmio.



.poema dos olhos da amada.


Oh, minha amada
Que os olhos teus

São cais noturnos
Cheios de adeus

São docas mansas
Trilhando luzes
Que brilham longe
Longe nos breus

Oh, minha amada
Que olhos os teus

Quanto mistério
Nos olhos teus
Quantos saveiros
Quantos navios
Quantos naufrágios
Nos olhos teus

Oh, minha amada
Que olhos os teus

Se Deus houvera
Fizera-os Deus
Pois não os fizera
Quem não soubera
Que há muitas eras
Nos olhos teus

Ah, minha amada
De olhos ateus

Cria a esperança
Nos olhos meus
De verem um dia
O olhar mendigo
Da poesia
Nos olhos teus

.soma maior do que as partes...

Pode não ser tão bom assim (pra mim),
Mas o que busco é o melhor (pra nós)
Não é literal o nosso amor.
É natural, é real e possível de se ver
Não tenha dúvidas...
Não lamente em vão...
Olhe pra mim... me de a mão

Cultivo lembranças e sonhos do passado,
Pra manter aceso o nosso amor incomum
Apesar de alguns não realizados...
Seguimos em frente, porque nós...
Nós somos um.

Olhe pra mim, sinta o desejo
Olhe pra mim, sinta meu beijo

Eu sei, parece mentira...
Os filhos crescendo, a falta de tempo...
A falta de tempo real.
Eles crescem, seguem seus rumos, nós...
Os dois, iremos ficar,porque nós...
Nós somos um.

sábado, 25 de junho de 2011

.tamanho 36.

Você não cabe
Em seu tamanho

36

Você é mais
E pensa demais

E quase ninguém
Sabe entender

O quanto
Você não cabe

Em seu tamanho

Será sempre
Um número maior

E será mais
Mulher

Porque o mundo
Espera de você

Algo que nunca  caberá
Em um numero 36

Everton Behenck

.meu confessionário.

Li no blog da Mariana...



eu vim aqui dizer que te amo
tão baixinho
mas tão baixinho
que é pra ver se eu mesma
não me escuto mais

sexta-feira, 24 de junho de 2011

.eu não existo sem você 2.

Vinicius por Oswaldo... :o)

.life.

Ouvi isto hoje pela manhã e achei que merecia um post:

I think it is funny when people say life is so short.
It is the longest thing anyone ever does.

(Eu acho engraçado quando as pessoas dizem que a vida é tão curta.
É a maior coisa que alguém sempre faz.)


.as vezes tudo, muitas vezes nada.

As vezes espero um sinal...
As vezes me engano e chamo outra pessoa pelo seu nome
As vezes quero dizer que te amo, mas não consigo
As vezes sonho antes mesmo de dormir
As vezes relaciono cheiro da chuva com saudade
As vezes quero repartir contigo a minha felicidade...

quarta-feira, 22 de junho de 2011

.partidas e despedidas.

 Daqui 24 dias eu retorno para o Brasil...
Fiquei pensando sobre
Partidas e Despedidas.
É muito estranha essa vida!
De uma hora para outra tudo se transforma.
As paisagens mudam.
A rotina deixa de existir.
As pessoas que antes faziam parte já não fazem mais.
Aquela rua que era o caminho diário,
não será mais caminhada...
talvez nunca mais.


Partidas são necessárias
especialmente quando algo já não mais nos pertence
Despedidas só são bem-vindas
quando libertam o coração da gente

[ pensei assim ]

.1000.

Cheguei no Vezenquando hoje e olha o que eu encontrei:


\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/

A união faz a força! ;o)

terça-feira, 21 de junho de 2011

.VIP.


Eu não sei vocês, mas eu ainda tenho a minha carteirinha VIP... huahuahauhauhauhauahu

.felicidade é só questão de ser...

Tem sentimento mais vital do que a felicidade?

Silêncios do Amor

Então o que é o amor senão tudo aquilo escrito entre dois pares de olhos a se olhar; e que, em silêncio, dizem o que a boca não consegue verbalizar?

.paixão e amor.

Eu não sei se sou fã do Carpinejar, mas eu li isso e curti muito:


.nada de grande se faz sem paixão. mas nada de pequeno se faz sem amor.

a paixão testa, o amor prova.
a paixão acelera, o amor retarda.
a paixão repete o corpo, o amor cria o corpo.
a paixão incrimina, o amor perdoa.
a paixão convence, o amor dissuade.
a paixão é o desejo da vaidade, o amor é a vaidade do desejo.
a paixão não pensa, o amor pesa.
a paixão vasculha o que o amor descobre.
a paixão não aceita testemunhas, o amor é testemunha.
a paixão facilita o encontro, o amor dificulta.
a paixão não se prepara, o amor demora para falar.
a paixão começa rápido, o amor não termina.

.os lobos.


Sobre os lobos...

Lembrei do comentário do Feio ontem:


quanto aos lobos... pra mim todos são até que provem ao contrário...




segunda-feira, 20 de junho de 2011

.seu nome.



se eu tivesse um bar ele teria o seu nome
se eu tivesse um barco ele teria o seu nome
se eu comprasse uma égua daria a ela o seu nome
minha cadela imaginária tem o seu nome
se eu enlouquecer passarei as tardes repetindo o seu nome
se eu morrer velhinho, no suspiro final balbuciarei o seu nome
se eu for assassinado com a boca cheia de sangue gritarei o seu nome
se encontrarem meu corpo boiando no mar no meu bolso haverá um bilhete com o seu nome
se eu me suicidar ao puxar o gatilho pensarei no seu nome
a primeira garota que beijei tinha o seu nome
na sétima série eu tinha duas amigas com o seu nome
antes de você tive três namoradas com o seu nome
na rua há mulheres que parecem ter o seu nome
na locadora que frequento tem uma moça com o seu nome
às vezes as nuvens quase formam o seu nome
olhando as estrelas é sempre possível desenhar o seu nome
o último verso do famoso poema de Éluard poderia muito bem ser o seu nome
Apollinaire escreveu poemas a Lou porque na loucura da guerra não conseguia lembrar o seu nome
não entendo por que Chico Buarque não compôs uma música para o seu nome
se eu fosse um travesti usaria o seu nome
se um dia eu mudar de sexo adotarei o seu nome
minha mãe me contou que se eu tivesse nascido menina teria o seu nome
se eu tiver uma filha ela terá o seu nome
minha senha do e-mail já foi o seu nome
minha senha do banco é uma variação do seu nome
tenho pena dos seus filhos porque em geral dizem “mãe” em vez do seu nome
tenho pena dos seus pais porque em geral dizem “filha” em vez do seu nome
tenho muita pena dos seus ex-maridos porque associam o termo ex-mulher ao seu nome
tenho inveja do oficial de registro que datilografou pela primeira vez o seu nome
quando fico bêbado falo muito o seu nome
quando estou sóbrio me controlo para não falar demais o seu nome
é difícil falar de você sem mencionar o seu nome
uma vez sonhei que tudo no mundo tinha o seu nome
coelho tinha o seu nome
xícara tinha o seu nome
teleférico tinha o seu nome
no índice onomástico da minha biografia haverá milhares de ocorrências do seu nome
na foto de Korda para onde olha o Che senão para o infinito do seu nome?
algumas professoras da USP seriam menos amargas se tivessem o seu nome
detesto trabalho porque me impede de me concentrar no seu nome
cabala é uma palavra linda, mas não chega aos pés do seu nome
no cabo da minha bengala gravarei o seu nome
não posso ser niilista enquanto existir o seu nome
não posso ser anarquista se isso implicar a degradação do seu nome
não posso ser comunista se tiver que compartilhar o seu nome
não posso ser fascista se não quero impor a outros o seu nome
não posso ser capitalista se não desejo nada além do seu nome
quando saí da casa dos meus pais fui atrás do seu nome
morei três anos num bairro que tinha o seu nome
espero nunca deixar de te amar para não esquecer o seu nome
espero que você nunca me deixe para eu não ser obrigado a esquecer o seu nome
espero nunca te odiar para não ter que odiar o seu nome
espero que você nunca me odeie para eu não ficar arrasado ao ouvir o seu nome
a literatura não me interessa tanto quanto o seu nome
quando a poesia é boa é como o seu nome
quando a poesia é ruim tem algo do seu nome
estou cansado da vida, mas isso não tem nada a ver com o seu nome
estou escrevendo o quinquagésimo oitavo verso sobre o seu nome
talvez eu não seja um poeta a altura do seu nome
por via das dúvidas vou acabar o poema sem dizer explicitamente o seu nome

.berimbau.

.não existe paciência.

Do Carpinejar...
(...)

O que me leva a concluir que quem pensa demais não faz, não se arrisca, não se entrega. O pré-requisito é criado para impedir que mudanças aconteçam.

É necessário ser imaturo para amar. É necessário ser imaturo para juntar as tralhas e pertences, construir uma casa em comum e seguir ameaçado pelo humor do próximo.

Merece o amor quem trabalha por ele, quem sofre por ele, quem não quis ser mais inteligente do que sensível...


tem mais aqui

.life is life.

Em especial, pra ti Ritaaaaa!!!
Dá um play e vem comigo!!! ;o)







Live Is Life

Nanananana
Nanananana
(todos junto agora)

\o/\o/\o/\o/
Nanananana
Nanananana

sexta-feira, 17 de junho de 2011

.alma de poço.

Madrugada mais lubuna mateio desprevenidoTenho andado mal dormido com paixões demais pra umOs meus olhos tresnoitados se voltam mesmo pra dentroA vida põe sal na boca e o mate não mata a sede
Querência fica distante mesmo andando dentro dela
Que me importa o sol na cara se a alma não amanhece?
Não quero sonhar de novo renascer não vale a pena, ai
Alegria pouco importa quando a vida anda pequena, ai
Solidão bate no rancho já me sabe mais covarde
Vou cultivando um silêncio que vai florescendo à tarde
Ai, ai, ai... de mim, corpo de moço, Jeito de rioAi, ai, ai de mim, alma de poço, Peito vazioAi, ai, ai... de mim, corpo de moço, Jeito de rio
composição: Antonio Ferreira / Vinicius Brum

Diadesses me perguntaram como eu estava me sentindo, respondi: - alma de poço.
já falamos algumas vezes de felicidade, amor, tristeza, paixão, bem querer, esses coisas que não conseguimos entender como, quando e pq acontecem e nem como, quando e pq desaparecem... acho que, quando estou meio assim... sem sentimento algum, me sinto alma te poço, peito vazio...

quinta-feira, 16 de junho de 2011

.resto da vida.




- Desejo passar o resto da minha vida com você.
- Não, uma vida com você nunca será resto!


(F. Carpinejar)

.teoria.

Este texto postei no Vezenquando há um tempo atrás.
O meu texto mais polêmico e o que sobrou de todos os outros textos.

Eu ainda acho que a vida termina nos 40 anos e que a Xuxa deveria se aposentar. :o)

...

.teoria.


Há um tempo atrás, li um livro chamado "A Segunda Vida das Mulheres". Em resumo, o livro abordava a questão da expectativa de vida ser maior nos dias atuais e, em decorrência disso, a preocupação com o que fazer com tantos anos a mais que estamos tendo direito a usufruir.


Antigamente, a expectativa de vida era muito baixa e chegar aos 50 anos era praticamente ter entrado na velhice. Hoje em dia, ao completar 50 anos é preciso que a pessoa tenha em mente o que fazer com os próximos 50 que estarão por vir.

É muito tempo! Nem quero viver tanto!

Eu tenho uma teoria [triste, talvez]. Eu acho que a vida termina nos 40 anos. É vero! Eu acho isso! Não que as pessoas irão morrer ao completar 40 anos. Não, não é isso! O que acaba nos 40 anos são 'todos' os ideais de construção de uma vida. Não sei se me faço entender. Não sei se consigo explicar.

Penso que a gente tem 40 anos para construir a nossa vida: sonhar e colocar em prática tudo que a gente almejou um dia [Sim, 40 anos]. Depois disso, é época de colheita, a gente colhe os frutos. Sim, eu sei que a gente pode ainda sonhar com 40 anos e colocar em prática também, mas não é a mesma coisa, não são os mesmos sonhos. [não deveriam ser] .

A mulher que sonhou em ter um filho, não vai esperar chegar nos 50 anos para tê-lo. Pode esperar até os 40 anos, mas não deve passar disso. Os óvulos já estarão envelhecidos e os riscos serão cada vez maiores. Uma pessoa pode esperar até os 50 anos para escolher uma profissão, mas não deveria. Essa é uma idade para se consolidar profissionalmente e não para dar o primeiro passo.

Eu sei que é meio radical esse meu pensamento, até um pouco preconceituoso e desatualizado. [já ouvi isso em rodas de amigos]. "Hoje a tecnologia nos permite tudo". Quase tudo, eu diria. Os que dizem isso devem ser os amantes da Dercy Gonçalves, que acham que sempre é tempo de recomeçar e que a gente nunca deve sair de cena.

E aproveitando a deixa, eu acho que a Xuxa devia se aposentar. Chega! Vai colher os frutos do que plantou! Tem coisas que não combinam mais depois dos 40! É ou não é? É mais ou menos como querer usar piercing no umbigo e minissaia nessa idade. Ah! Não!!!


E como levo a sério essa minha teoria, eu já entrei na contagem regressiva dos meus últimos 10 anos. Isso é desesperador ! Ao mesmo tempo é um alento, pois ainda tenho alguns anos. Nem tudo está perdido! Ainda dá tempo de trocar de profissão, ter mais filhos... 'y otras cositas más'!

Ainda dá tempo para muita coisa!


[já pensando nos comentários que virão]

.eu não existo sem você.

Vocês sabem: eu adoro o Vinicius de Moraes!
E para que vocês saibam: Eu não existo sem vocês! ;o)


Eu Não Existo Sem Você
Composição: Antonio Carlos Jobim / Vinicius de Moraes

Eu sei e você sabe, já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim
Eu sei e você sabe que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste
Por isso, meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos me encaminham pra você

Assim como o oceano
Só é belo com luar
Assim como a canção
Só tem razão se se cantar
Assim como uma nuvem
Só acontece se chover
Assim como o poeta
Só é grande se sofrer
Assim como viver
Sem ter amor não é viver
Não há você sem mim
E eu não existo sem você



terça-feira, 14 de junho de 2011

.amizades modernas.


Com o avanço tecnológico as coisas vão mudando, as pessoas vão mudando e tudo muito rapidamente. Nossos conceitos também!

Eu sou do tempo que não existia e-mail. Que internet era coisa de outro mundo (ou outros países). E quando inventaram o ICQ todo mundo ficou maravilhado....  lembro que fiquei tri feliz quando aprendi a criar e usar uma conta de e-mail. E ficava mais feliz ainda quando recebia uma mensagem de alguém.

Agora tudo avançou muito rapidamente. Hoje temos celulares com câmeras de alta resolução e que acessam a internet e podem compartilhar tudo que registramos.. tudo isso enquanto você pega um ônibus ou está trancado em um engarrafamento.

Mas nesse mundo moderno em que vivemos existem muitas contradições.
Idéias como: redes de amizades, compartilhamento de informações, redes sociais, globalização, encurtamento de distâncias...
Convivem tranqüilamente com o egocentrismo das pessoas, a crescente violência, hipocrisia das autoridades, desigualdades sociais e coisas do gênero. As pessoas estão cada vez mais egoístas, ignorantes (em todos os sentidos)... se matam por brigas no trânsito, só pensam em tirar vantagens sobre os outros... enfim, um caos.

Sobre todas as coisas que mudaram nos últimos tempos, esses dias parei para pensar especialmente sobre uma delas: as amizades.

Não sei se isso ocorre somente comigo, mas hoje tenho dificuldade de fazer amizades sólidas. Não me refiro aos “conhecidos”, porque isso ainda é fácil, mas me refiro às amizades como antigamente... aquelas pessoas que a gente pode contar em todos os momentos, bons e ruins. Achei que a internet fosse facilitar.. mas hoje penso que não facilitou nem dificultou.. apenas modificou... as relações mudaram.

Tenho amigos do passado que mantenho uma proximidade até hoje. Pessoas que conheço desde os tempos de Lobinho (do grupo escoteiro), e que ainda falo semanalmente. Tenho amigos que moram no exterior e que, se não fossem os meios virtuais, eu não teria como manter contato freqüente.
Entretanto no dia-a-dia, nas empresas, nos círculos sociais, parece que as amizades são muito superficiais.. parece que fica difícil adquirir confiança...

Mas daí surgem algumas pessoas que, através de um simples blog, criam vínculos absurdamente sólidos. Pessoas que você nem conhece pessoalmente, mas que são capazes te entender plenamente. Pessoas que estão distantes mas enxergam nossas lágrimas e percebem o momento de nos consolar. Pessoas que nos fazem sorrir mesmo em momentos difíceis e que nos deixam preocupados no caso de eventuais desaparecimentos. São pessoas que talvez nunca tenham a dimensão dos efeitos que causam em nossas vidas, mas que são realmente importantes.
Como "somos responsáveis pelo que cativamos", não devemos tratar com descrédito essas amizades virtuais... elas são tanto ou mais importantes do que as outras.

Será que meus amigos virtuais concordam?