Mesas

Mesa 1
Carla
Mesa 3
Marcus
Mesa 8
Cris
Mesa 10
Victor Hugo
Mesa 11
Amanda
Mesa 12
Juliana
Mesa 14
Karina

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

.medo do escuro? seus problemas acabaram!.


Quer acabar com o medo que seus filhos sentem do escuro?
Compre lanternas para eles = )






segunda-feira, 27 de agosto de 2012

.vamos plantar e comer lápis?.

Sabe quando o lápis fica pequeno, no 'cotoco', e difícil até de segurar entre os dedos? A alternativa é se desfazer do pedaço que sobrou do lápis, não é mesmo?

Não mais!

Uma reportagem da revista Exame traz a ideia de um produto sustentável criada no curso de Design de Produto do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), em Cambridge, nos Estados Unidos.


A empresa Democratech lançou no mercado americano o Sprout, um lápis com cápsulas de semente, acopladas no lugar da borracha, que pode ser plantado. O resultado são brotos de tomate, coentro, salsa, alecrim e até flores, como margaridas. Além disso, é possível estimular as crianças a praticar a reciclagem através da jardinagem. 

No vídeo abaixo, um dos designers, fala sobre o processo de criação do Sprout:

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

.sem rodeios.


O texto a seguir é uma contribuição dos Vezenquandistas: Julio Neto & Milena Lenz

(...)

"Um risco quer dizer Francisco, 
Não sou bom entendedor
Não sou de meias palavras,
Então não me venha com charadas
Seja franco, sincero... direto...” (Feio)

Pois é, mas as pessoas não estão preparadas para receber palavras inteiras vindo da franqueza. Vide nosso amigo Lucilio, sempre foi marginalizado pelo simples fato de falar o que pensa, sem meias palavras, eu e meu cumpadi Feio brigamos muito até conseguirmos acreditar que o que um dizia pro outro não era pessoal. Eu tenho pouquíssimas pessoas nas quais posso ser sincero e franco, e essas são as pessoas  importantes na minha vida. 

(...)

Imaginemos um marido, chega em casa e diz, “Meu amor você está gorda...”, pronto, hecatombe nuclear. E ainda temos a palavra inteira para elogiar, e essa também as pessoas não estão preparadas, quando alguém elogia, pelo trabalho ou pela aparência, o normal é pensarmos, “O que ela ta querendo?”, mas acho que é cultural do Brasil, li na revista Vida Simples do mês passado, que o brasileiro preza pela gentileza, para não gerar conflitos, e assim deixa de falar coisas mais contundentes, em contra partida usamos o elogio para conseguir coisas, então temos dificuldade de crer que alguém pode ter gostado da gente ou de algo que fizemos, nessa mesma matéria um brasileiro foi fazer um mestrado nos EUA e se espantou porque os alunos agradeciam as críticas dos professores. É difícil. Abaixo segue o texto da Milenz luz da minha vida. 

(...)

Ôh vida corrida, exaustiva e voraz. Que ora me arrasta, ora me empurra. Que me permite beber apenas um pouquinho da fonte do prazer, em doses homeopáticas. Que me faz escolher entre coisas e pessoas mesmo quando não estou pronto pra isso. E ainda por cima, é única, sem reestréia, sem segunda chance. Então qual caminho escolher, o fácil e superficial ou o trabalhoso e consistente? Relações sinceras com diálogos francos e muitas vezes difíceis ou as de ‘boa vizinhança” com conversas amenas e discursos políticos? A sinceridade pode doer se não estamos prontos para recebê-la, mas reavaliar as relações e valorizar pessoas sinceras e diretas pode ser bem mais prazeroso!!!

“Migalhas dormidas do teu pão
Raspas e restos
Me interessam
Pequenas porções de ilusão
Mentiras sinceras me interessam
Me interessam, me interessam” (Cazuza)

(...)

Pois é, cada um tem um nível de franqueza que pode agüentar, eu estou treinando o silêncio com as pessoas normais para 2012.

“Se ninguém olha
Quando você passa
Você logo acha:
A vida voltou ao normal...
Aquela vida sem sentido
Volta sem perigo
A mesma vida tudo
Tudo sempre igual...
Se alguém olha quando
Você passa, você logo diz:
"Palhaço!"
Você acha que não tá legal
Perde logo a noção do perigo
Todos os sentidos
Você passa mal...” (Lobão)

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

.vinicius, o filme.

Faz tempo que não falo do Vinicius aqui nesta mesa. Então hoje resolvi falar sobre o longa que apresenta a vida artística de Vinicius, sua vida pessoal, marcada por muitas paixões, nove casamentos e muitas amizades duradouras.

O filme traz depoimentos comoventes e curiosos de amigos e grandes personalidades brasileiras como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Maria Bethânia, Tônia Carrero, Toquinho, Carlos Lyra, Antônio Candido, Edu Lobo...


"Nascido em 1913 no Rio de Janeiro de família de classe média, Vinicius de Moraes foi testemunha e personagem de importantes transformações na cidade e desenvolveu um dos percursos mais originais e fecundos da cena cultural brasileira do século XX. Um dos exemplos foi em 1956, em que ousou reunir a cultura erudita e popular em Orfeu da Conceição, obra que garantiu Palma de Ouro no Festival de Cannes, em 1956, bem como o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Sua “Garota de Ipanema”, em parceria com Tom Jobim é uma das músicas mais tocadas em todo o mundo, em todos os tempos."


Para quem curte Vinicius, o filme é imperdível!
Então dá um play e curte aí!




domingo, 19 de agosto de 2012

Playlist de domingo

Two Door Cinema Club é uma banda formada em 2007, no Condado de Down, na Irlanda, por Alex Trimble (vocal principal, guitarra, synth), Sam Halliday (guitarra, backing vocals) e Kevin Baird (baixo, backing vocals).

Trimble e Halliday se conheceram enquanto cursavam a Bangor Grammar School. O nome da banda veio depois que Halliday mal-pronunciou o nome de um cinema local, o “Tudor Cinema”. A banda antes era um grupo de quatro integrantes, conhecidos como LifeWithoutRory, composto pelos três membros atuais do TDCC e o baterista Patrick Thompson. Porém, o Two Door Cinema Club só tomou forma depois da saída de Patrick. Em 2007, a banda estava formada, e seguindo o público que visitava a sua página no MySpace, eles largaram a faculdade e começaram a trabalhar em um álbum de estúdio. O EP “Four Words To Stand On”, lançado em janeiro de 2009, foi bem recebido por crítica e público. O número de artigos sobre a banda em blogs especializados em música e a popularidade do grupo cresceu em julho de 2009, quando a banda começou a gravar seu álbum de debut em Londres, com Eliot James. Em setembro do mesmo ano, a banda começou a mixar o disco com Phillipe Zdar no Motorbass, seu estúdio em Paris.

Em janeiro de 2010, o Two Door Cinema Club anunciou o track list e detalhes do seu primeiro álbum em uma entrevista para a NME.  


Porque a vida não é feita só de rock'n'roll, bebê! 





.toca aqui.


quarta-feira, 15 de agosto de 2012

.filhos.



É engraçado conversar com pais de primeira viajem... eles contam coisas incríveis que (só) seus filhos fazem. Como se eu não soubesse! Da vontade de dizer: Eu sei, eu sei.. tenho três desses! - Mas não, deixo eles pensarem que são possuidores de uma sensação exclusiva. E são.

(...)

Brinco dizendo que há uma evolução na educação e no cuidado...

Para o primeiro filho o cuidado é redobrado: 

- O bico (chupeta) caiu? Lava a chupeta antes de colocar na boca.
- Não tem leite materno? NAN até completar um ano. 
- Mamou? Esteriliza a mamadeira antes de usar na próxima vez.

Já para o segundo: 

- O bico (chupeta) caiu? Assopra antes de colocar na boca.
- Não tem leite materno? NAN até completar seis meses. 
- Mamou? Estereliza a mamadeira uma vez por semana.

O terceiro é um guerreiro:

- O bico (chupeta) caiu? Pega do chão e põem direto na boca para criar anticorpos.
- Não tem leite materno? Longa vida e/ou puro “de vaca” para o resto da sua vida.
- Mamou? Enxágua a mamadeira e ta pronto.

(...)

Até a escolha dos nomes acaba te deixando preguiçoso. Para a mais velha fizemos toda uma pesquisa, queríamos um nome composto e com algum significado... Maria Fernanda!! Lindíssimo! Para os próximos, quando tivéssemos, usaríamos o mesmo critério... nasceram então: José Carlos e Guilherme... Opa! Mas Guilherme não é nome composto! Sim, sim, eu sei, mas tem um significado especial. Foi o José Carlos quem escolheu, ele queria que esse fosse o nome do seu melhor amigo. E é.

(...)

Filhos... há quem acredite que, ao ter mais de um filho, o amor do primeiro diminui ou divide com o segundo que divide com o terceiro, que divide com o quarto, que divide... se fosse isso verdade, o camarada que tivesse cinco e/ou mais filhos, no final das contas não sentiria amor por nenhum = P

(...)

Ter mais um filho é do carvalho!

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

.trilogia dos cinquenta tons.

Esses dias uma amiga me falou sobre uma trilogia que estava fazendo o maior sucesso no mundo. Fui conferir!


A trilogia Cinquenta tons de cinza, Cinquenta tons mais escuros e Cinquenta tons de liberdade é um fenômeno editorial que está movimentando o mercado de ficção adulta nos EUA. Aqui no Brasil, com uma tiragem inicial de 200 mil exemplares, o primeiro livro foi lançado há pouco tempo e também teve um sucesso estrondoso. Em todo o planeta, o livro já vendeu 40 milhões de exemplares, e tornou-se o romance britânico mais vendido da história (5,3 milhões de cópias comercializadas no Reino Unido).



A trilogia teve os direitos de publicação adquiridos por 37 países em leilões disputadíssimos, vencido no Brasil pela Intrínseca. Os livros serão adaptados para o cinema pela Focus Features, da Universal Pictures - os direitos foram comprados por um valor recorde de US$5 milhões.

A 'apimentada' trilogia narra a relação entre uma recatada jovem de 22 anos, recém-egressa da universidade, e um enigmático empresário. 

SINOPSE

Quando Anastasia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos.

Chocada e ao mesmo tempo seduzida pelas estranhas preferências de Grey, Ana hesita. Por trás da fachada de sucesso - os negócios multinacionais, a vasta fortuna, a amada família -, Grey é um homem atormentado por demônios do passado e consumido pela necessidade de controle. Quando eles embarcam num apaixonado e sensual caso de amor, Ana não só descobre mais sobre seus próprios desejos, como também sobre os segredos obscuros que Grey tenta manter escondidos...


Os volumes custam em média R$ 30,00, mas também podem ser comprados no formato de e-book por R$ 24,90. Para quem prefere conferir a leitura antes de comprar o livro, alguns sites disponibilizam versões em português totalmente grátis (clique aqui). 

domingo, 12 de agosto de 2012

.juntos.


JUNTOS

No clima de Jogos Olímpicos e de Dia dos Pais que estamos vivendo, acho que este vídeo vai bem. Quando eu o assisti pela primeira vez, chorei. E ele segue me emocionando sempre que o revejo.

Até eu saber que o cara que surge do público e que vai ao encontro do atleta era o seu pai, confesso que me parecia uma história como tantas...

Mas ali, quando o pai abraça o filho e diz "Você não precisa fazer isso", tudo muda. E a relação dos dois é sublimada pela frase do velho, a seguir: "então, nós vamos fazer juntos..."

Com a lembrança/saudade do meu velho pai Waldemar, em meio ao crescer dos meus filhos João Victor e Guga, aqui estamos, juntos...

Dia dos Pais


Ontem eu li umas histórias engraçadas de um blogueiro falando do pai dele. Como renderam boas risadas, vim compartilhar com vocês.

. Meu pai é um espanhol que soube me educar a base de um bullying familiar fortissimo! Sempre que ele teve a oportunidade ele me ensinou coisas na vida atraves do bullying!!!
Uma vez eu não quis comer feijão na casa de uma tia minha, disse que nunca tinha comido….resultado, tive que comer SÓ feijão, no almoço, lanche e janta, por UMA SEMANA e eu aprendi que não se deve mentir.

. Em outra oportunidade ele me encurralou no quarto pra me dar uma chinelada na bunda por alguma merda que eu fiz e antes de bater ele me perguntou quanto era 7×8….eu não esperava a pergunta, demorei pra responder e tomei havaiana na nádega com tanta força que nunca esqueci….resultado, decorei a tabuada inteirinha no dia seguinte!

. No meu aniversário de 7 anos eu quis dar uma de machinho e gritei pra minha mãe que não queria cantar “Parabens pra vc”. Resultado, meu pai foi ate o vizinho, pegou o cachorro dele que fazia aniversario no mesmo dia que eu todos cantaram “Parabens pra vc” pra um Poodle xexelento enquanto eu fiquei sozinho no quarto com todos meus amigos na sala comendo bolo com aquele cão vagabundo de uma figa. Resultado, e eu aprendi que não devia gritar com a minha mãe.

E vocês, têm alguma história engraçada pra contar?

sábado, 11 de agosto de 2012

Happiness



Sou feliz só por preguiça. A infelicidade dá uma trabalheira pior que doença: é preciso entrar e sair dela, afastar os que nos querem consolar, aceitar pêsames por uma porção da alma que nem chegou a falecer. (Mia Couto)


sexta-feira, 10 de agosto de 2012

.não se perca: amanhã tem sarau!


SARAU CASA DA MÚSICA recebe o violão de 8 cordas de MAURÍCIO MARQUES

No sábado, dia 11de agosto, às 20h, em Porto Alegre, o Sarau Casa da Música será palco de um dos maiores instrumentistas gaúchos da atualidade, Maurício Marques e o seu Violão de Oito Cordas. 

Reconhecido nacionalmente como arranjador e compositor para Violão de Oito Cordas, inspirado nos ritmos do Folclore Gaúcho, Maurício traçou seu diferencial com arranjos elaborados, dotados de muito técnica e arrojo artístico. 

Com um vasto repertório da música regional e brasileira preparado para a Casa da Música, o violonista será acompanhado da percussão de Rubem Penz. 

Além de composições autorais de Maurício Marques, o duo nos reserva uma mescla de clássicos como “Odeon”- Ernesto Nazareth, “Receita de Samba”- Jacob do Bandolim, “Ainda me recordo” - Pixinguinha, “Conversa de Botequim” - Noel Rosa/Vadico, “Passarim”- Antonio Carlos Jobim ao“Prelúdio 5” - Heitor Villa Lobos.

do pub pro baile!

No ano passado conheci uma festa muuuito bacana e pra gente DIFERENCIADA! =)
Vem ai... o Bailinho! Se vocês tiverem oportunidade de ir algum dia super vale! Sei que também teve em POA esse ano.
A festa, que - só podia! - surgiu no Rio, rola num ambiente meio mágico, decorado com frases de revistas, colagens, personagens de desenhos, santos, velas... Tem um DJ famoso (aqui vem o Selton Mello), correio do amor, música pra todos os gostos, chuva de papel picado, é realmente muito divertido e só estando lá pra sentir essa vibe!



Vamos bailar hoje?



quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Tranquila... levo a vida tranquila...


Às vezes jogar indireta não adianta. O negócio é jogar do décimo andar.

Né? 



  

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

.meteosfone.


Já não sei mais o que é certo...
Talvez fosse paixão...
Paixão na hora errada...
Uma descoberta a cada instante.
Um novo sentimento a conhecer.

Vou deixar assim.
Não ter você aqui
Foi a pior escolha que eu fiz!

Sigo um caminho.
Refaço minha vida.
Te deixo guardada dentro de mim.
Que sabe um dia volte a te ver
Quem sabe nossa história refazer

Vou deixar assim...
Não ter você aqui...
Foi a pior escolha que eu fiz!

Marcus de Carvalho/Julio Neto

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

.peixe fora d’água, borboleta no aquário.


Uruguaiana
Feliz tu nasceste
À beira de um rio
Sorrindo ao luar

Uruguaiana
Cidade alegria
Ouve a melodia
Deste meu cantar

É um canto modesto
Que é o manifesto
Do meu coração
Ele quer adorar-te
Pois tu fazes parte
Do nosso torrão

No jardim do meu País
És também uma flor
O teu povo é feliz
Vivendo neste esplendor

Cidade fronteira
És toda coberta
De um céu cor de anil
Tens a honra mais bela
De ser sentinela
Do nosso Brasil

(...)

Nascido em Porto Alegre, criado em Uruguaiana... 

(...)

Semana passada estive em Tramandaí para acompanhar meu sogro em um evento de hotelaria, durante a festa do Peixe... no hotel, no café da manhã, acabei encontrando o humorista Jair Kobe (Guri de Uruguaiana) que havia feito show na noite anterior. Bah! Ótima oportunidade para esclarecer algumas coisas:

Na saída do café fui até sua mesa e sem dar bom dia...
- Mas Chê, guri de Uruguaiana que é de Uruguaiana não canta o canto Alegretense! 
Ele, sentado, me olhou de baixo pra cima, com um sorriso no rosto afirmou.
- Tu és de Uruguaiana! É sempre assim... esses uruguaianenses... Eu sou porto-alegrense, cidadão honorário de Uruguaiana e Alegrete.

Logo me corrigi, dizendo que na verdade eu também era porto-alegrense, que aos cinco anos fui morar na fronteira e que acabara de retornar á capital... 
– viu só, quis bancar o engraçadinho comigo e nem é de Uruguaiana – finalizou o humorista.

(...)

Comemorei o meu segundo aniversário em Itapirubá/SC, o terceiro e o quarto em Ijuí/RS... do quinto ao trigésimo sexto, Uruguaiana... indelével Velho Oeste. Ou seja, apenas nasci na capital, o primeiro mate foi na fronteira.
 Se o meu amigo Lucílio Brutus soubesse a inveja que sinto dele ao se apresentar e dizer com muita propriedade:

- Muito prazer, Lucílio Brutus, de Uruguaiana!

O que me conforta é não precisar ter a mesma “inveja” do meu “cumpadi” Julio Neto... reza a lenda que ele nasceu a caminho do Alegrete, não sendo nem uruguaianense nem alegretense, quem sabe um verdadeiro e único, exclusivo urugretense.

(...)

...sempre que posso, em encontros casuais com pessoas acabadas de serem apresentadas a mim e quando indagado por elas de onde sou, respondo que sou de uma cidade que fica um pouco pra lá de Alegrete. Acabo despertando a curiosidade delas que, num primeiro momento continuam conversando outras coisas até que não se aquentam e perguntam novamente de onde sou... respondo um tanto relapso que sou de uma cidade que fica próximo a Itaqui... geralmente, nesse momento há uma pausa para visualização mental do mapa do Rio Grande do Sul seguido de  afirmativa e de uma outra pergunta – ah! Mas tu és de Uruguaiana!!! Por que não disse logo!?
Com um semblante vitorioso e contente respondo: - Não queria me exibir.

(...)


Porto Alegre 1975
Itapirubá
Uruguaiana
Porto Alegre 2012


.new soul.

...