Mesas

Mesa 1
Carla
Mesa 3
Marcus
Mesa 8
Cris
Mesa 10
Victor Hugo
Mesa 11
Amanda
Mesa 12
Juliana
Mesa 14
Karina

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

.receita de ano novo.

Para você ganhar belíssimo Ano Novo cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido (mal vivido talvez ou sem sentido) para você ganhar um ano não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; novo até no coração das coisas menos percebidas (a começar pelo seu interior) novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota, mas com ele se come, se passeia, se ama, se compreende, se trabalha, você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita, não precisa expedir nem receber mensagens (planta recebe mensagens? passa telegramas?) Não precisa fazer lista de boas intenções para arquivá-las na gaveta. Não precisa chorar arrependido pelas besteiras consumadas nem parvamente acreditar que por decreto de esperança a partir de janeiro as coisas mudem e seja tudo claridade, recompensa, justiça entre os homens e as nações, liberdade com cheiro e gosto de pão matinal, direitos respeitados, começando pelo direito augusto de viver. Para ganhar um Ano Novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.

domingo, 30 de dezembro de 2012

.como será 2013?.

Pois é, se foi 2012 e levou o fim do mundo junto, portanto temos que pensar em 2013. Como meu tema é futebol vamos lá.
Começamos o ano com um gauchão desinteressante, Grêmio focando a Libertadores e o Inter preparando o time pro restante do ano. Na minha opinião o Gauchão deveria deixar de ser disputado pela dupla, mas é outro assunto.
Os favoritos para a Libertadores são Corinthians e São Paulo, o Grêmio entra como azarão, mas como a LIbertadores é uma competição que dá para ganhar dando coice, tudo pode acontecer.
Copa do Brasil esse ano vai ter todo mundo, é onde o Inter vai botar as fichas como todo mundo, vai ser um bom campeonato.
Brasileirão é aquilo, ganha quem tiver regularidade, da dupla o Inter tem mais chance.
Temos em 2013 uma prévia da Copa do Mundo com a Copa das Confederações, Felipão e Parreira e um time sem craques. Acho que o Brasil é favorito sempre.
Então, teremos um 2013 cheio de emoções, vamos aproveitar as festas e quando os jogos começarem vamos nos divertir, afinal o futebol é o ópio do povo.
Feliz 2013 pra todo mundo!!
...
A DUPLA:
GRE: nada aconteceu até agora e assim nada vai acontecer ano que vem, precisamos de 2 zagueiros, 1 primeiro volante e 1 atacante de velocidade no mínimo, oremos!!
NAL: pra eles faltam 2 laterais direito, o resto é o Dunga fazer os caras jogar, o Bolivar deve ir, mas o Kleber fica, Guina e Dale ficam também, eles tem que mandar outros gringos embora, vamos ver no que dá.

...

baita tema:
O argumento principal do samba era o fato do técnico não ter encontrado, até então, um substituto para Pelé, que se despediu da seleção canarinho em 1971.
Clica abaixo e curte!!


sábado, 29 de dezembro de 2012

Contagem regressiva para a virada



"Espero que sinta coisas que nunca sentiu antes. Espero que conheças pessoas com um ponto de vista diferente. Espero que tenha uma vida na qual se orgulhe, e se você descobrir que não tem ... espero que tenha forças para conseguir começar novamente." (do filme O curioso caso de Benjamin Button)

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Que venha 2013!



Meu cérebro comporta a complexidade do universo dentro da minha caixa craniana. Ele tem cerca de 100 bilhões de neurônios. Beirando os 40 anos, talvez pouco menis que isso [Pausa para os risos] e cada um é capaz de estabelecer 7 mil conexões sinápticas.

Sendo assim, espero que em 2013 eu possa explorar essa maravilha da nautreza humana para me conhecer mais, para conhecer aquele que eu admiro e principalmente para "tentar" entender aquele que me distancia. Porque apesar de todos os avanços da neurociência para entender o ser humano, ela ainda não explica tudo!

Não há como medir cientificamente os sentidos que atribuímos às coisas.

Obrigado de coração por contribuírem para o meu crescimento pessoal neste ano que encerra em breve!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

.ho-ho-ho 2012.




(...)

Então é Natal...

...que o Menino Jesus os abençoe e que com ele nasça a esperança de novas realizações.

Forte abraço
(Marcus de Carvalho)

domingo, 23 de dezembro de 2012

.futebol de final de ano.

Fim de ano, sempre tem um futebolzinho de confraternização. É importante, a gente vê pessoas que não vê há um tempão, fala bobagens e esquece do mundo, e do fim do mundo também.
Fim de ano a gente vê pessoas que nao vê normalmente, os parentes de longe e amigos antigos. Hoje me atrasei no post porque estávamos na estância do meu primo Marcio e de lambuja estava meu outro primo Nico, ambos eu não via há 2 anos, pena que são colorados!! Esse foi meu futebolzinho de fim de ano, fiquei defendendo o futebol força e eles defendendo o futebol arte, 2hs de bateção de boca, depois falamos da vida e dos filhos. Baita programa. É importante encontrarmos pessoas, seja de visita ou num futebolzinho de fim de ano.
...
A DUPLA:
GRE: tudo na mesma, tirando aquela entrevista infeliz do Koff. Aguardo
NAL: mesma coisa, o Dunga aguardando a reformulação do grupo.
...

"Jhony estuda
Se forma hoje é doutor
Mas só pensa em futebol
Futebol" (Tim Maia)

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

.nota mental, caso o mundo acabe.

.
.
.

.a saudade é nossa alma dizendo para onde ela quer voltar.

[ Rubem Alves ]
.
.
.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Kintsugi

Já faz um tempo que não apareço. Hoje li uma coisa muito bonita que merece ser compartilhada (invadi a mesa de alguém?)

Quando os japoneses consertam objetos quebrados, eles preenchem as rachaduras com ouro. Eles acreditam que quando algo sofre algum dano, tem uma história, e há conserto, vale a pena repará-lo. Quando alguns vasos se quebram, eles não perdem seu valor. De fato, ao consertá-lo, ele torna um objeto único e especial. E passa a valer mais do que antes.


* Kintsugi é a arte japonesa de consertar peças de cerâmica quebradas com uma resina laca polvilhada com ouro em pó.

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

.me traz na bagagem, tua viagem sou eu.

Vou pra Uruguaiana, no fim de semana,
Ver os pirilampos se multiplicando
Um touro berrando na costa do mato do Ibirocaí...

Se eu pudesse, ontem eu já tinha ido
Num vagão de carga, desses que se vai
Matar a saudade de tomar um banho no Rio Uruguai!
 
(...)
 
 
• 645 km
• 07hs de viagem.
• 01 parada programada
• ...como é longe Uruguaiana!
 
(...)
 
Infelizmente não me enxergo mais morando no Velho Oeste. Isso não significa que não deseje voltar... todo dia penso na possibilidade disso acontecer e a cada dia esta possibilidade fica ainda mais distante.
 
Quem sabe depois que encerrar o ciclo da capital.
 
(...)
 
Bueno, este é o último post da mesa 3 em 2012... estarei de volta no dia 09/01 do ano que vem. Vou beber mais alguns goles das águas do rio Uruguai.
 
(...)
 
Feliz Natal e que MMXIII seja tão bom quanto MMXII.
Fiquem bem.
 
(...)
 
Que venha em paz
O ano que vem
Que venha em paz
O que o futuro trouxer
(hg)



domingo, 16 de dezembro de 2012

.futebol x football.

O segundo esporte mais visto lá em casa é o football (futebol americano) e o que me chama a atenção é que não há brigas. Estava olhando NEW YORK JETS vs TENNESSEE TITAN quando um defensor dos Jets deu um encontrão no atacante dos Titans e esse deu um rodopio no ar e caiu de cabeça no chão. O jogo parou. O atacante se levantou e foi em direção ao defensor e eles se cumprimentaram, bateram as mãos e fizeram um “sim” com a cabeça e segue o game.
Assim como o rugby, o football é um jogo viril, mas não desleal. Aliás, o rugby tem um terceiro tempo, onde os “donos da casa” devem proporcionar um jantar para o time visitante (isso está na regra do jogo). A lealdade e o respeito fazem parte desses dois esportes onde o oponente é adversário e não inimigo...
...
Assim sendo, a comparação com o nosso futebol é inevitável. Somos selvagens e não temos nenhuma lealdade, queremos ganhar a qualquer preço, mesmo que seja roubando, tirando vantagens, ludibriando a arbitragem...
Opa! Mas isso é o Brasil. Somos realmente o país do futebol e não do football.
...
A dupla:
GRE: nada acontece no novo estádio, sem reforços estamos igual ao co-ermão. Precisamos de 4 reforços, 2 zagueiros, 1 primeiro-volante, 1 atacante veloz.
NAL: Dunga confirmado, chegou revolucionando, tirando pessoas do contato com os jogadores, mas sem reforços e despensas o Dunga não tem muito que fazer.
Esperamos mais dos dois times para 2013.
...

“No pais do futebol eu nunca joguei bem
Poderia ser um sintoma, mas meu jogo de cintura
se manifestou de outro jeito
É que eu não sei mentir” (O Rappa)

.a cura.

.
.
.
.
.
.
. a cura para tudo é sempre água salgada:
o suor, as lágrimas ou o mar.

[ Isak Dinesen ]
.
.
.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

.ou acaba ou desocupa a moita.


Volta e meia vezenquando, fim do mundo. “To” de saco cheio desse assunto. A partir de hoje não falo mais disso, de bico seco. Cara, você ter que divagar sobre o fim dos tempos sem um brilhinho, não dá.
Pior é que tem gente que prepara todo um ritual apostando todas as fichas no calendário Maia...

(...)

Para aqueles que ainda acreditam na minha descrença:
- O mundo acabará quando menos se espera, no tempo certo, conforme a predestinação de cada um. 
- Não considero o Natal a data máxima do Cristianismo e sim a Páscoa... o Natal comemora o nascimento do Menino Jesus. A Páscoa a ressurreição. Ora bolas, nascer qualquer um nasce.

(...)

- Ok, mas e se acabar mesmo? 
- Acho que aí acabou, né.
- tá, mas e se não acabar?
- acho que aí não acabou, né. E reza para que você não tenha feito nenhuma besteira daquelas de sentir vergonha só de lembrar.

(...)

Bueno façam os comentários que quiserem e se quiserem, mas só irei responder se me prometerem aquele brilhinho.


(Vídeo by Milena Lens)

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

As vantagens de ser invisível

Esta semana tirei o meu chapéu para um grupo de alunos meus que estão terminando o ensino médio.
Eles montaram um vídeo maravilhoso contando a trajetória deles dentro dos muros da escola.
Fiquei emocionada.
De quebra, descobri um filme que mexeu bastante comigo e em especial a seguinte fala:

"Eu sei que tem pessoas que dizem que essas coisas não acontecem e que isso serão apenas histórias um dia. Mas agora nós estamos vivos.
E nesse momento, eu juro nós somos infinitos."
Como os adolescentes são intensos! Quanta vida! Quanta urgência esquecida depois na vida adulta...
Momentos eternizados!
Que momento da sua adolescência você gostaria de eternizar?





segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Feliz aniversário!

Hoje tem festa no blog! 



Parabéns, Carla! Que haja sempre sorte, saúde e ousadia no teu caminho. 



domingo, 9 de dezembro de 2012

.um sonho chamado futebol.

Atrasei o post porque estava fazendo o áudio de um video para a "Peneirinha Gilette" e estou sensibilizado com os depoimentos da gurizada que sonha em ser jogador de futebol. Sim o futebol é a esperança, para muita gente, de ter um futuro melhor para si e para sua família. É como uma mega sena.
O brasileiro não tem por costume acreditar em educação e sim crê no talento, no dom individual, isso é com o futebol e também com a música, esquecemos que o dom é fundamental, mas o estudo é o caminho. Precisamos ensinar a especialização para nossos pequenos.
Os pais fazem seus filhos acreditar que eles tem o talento e jogam toda a responsabilidade emcima do guri para ser jogador de futebol e ganhar milhões de euros e ajudar toda a familia. Na realidade vemos que poucos que conseguem essa projeção e quando conseguem não tem estrutura psicológica para manter esse patamar.
Os Ronaldos e Kakas são raros, os Adrianos são comuns, mas a maioria não chega nem perto de jogar profissionalmente.
Hoje no Grêmio temos um exemplo de falta de estrutura emocional, o Anderson Pico, por exemplo, se perder 10kg vira milhonário, por causa do talento que tem, mas está a 4 anos patinando.
O dia em que o Brasil valorizar a educação, não só teremos o melhor futebol do mundo, como teremos também os melhores cientistas e artistas do planeta. Então ensinem seus filhos a estudar, porque depois eles podem ser o que quiserem.
...

A DUPLA:
GRE: linda festa e estou orgulhoso com a Arena Portoalegrense, precisamos de um time a altura desse estádio. 5 contratações e todas as renovações, estaremos prontos para 2013.
NAL: a politica se sobrepôs ao futebol, terão que fechar com o Dunga por causa da eleição do conselho, senão a situação vai perder cadeiras e força, realmente devem estar esperando dia 21/12, se o mundo não acabar eles começam a correr.
...

"como todas as crianças
que nada sabem, que sabem tudo
que aprendi a brincadeira
fazendo música, jogando bola"(Pedro Camargo Mariano)

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

.mascara de ferro.

Periga você não acreditar em mim
Eu não nasci de óculos
Eu não era assim

(...)
 
Cara, quando pequeno achava o máximo as pessoas que usavam óculos... desde então sempre quis usar, até o dia que tive a necessidade.
Hoje eles estão na moda, vários aros, multicoloridos, design para todos os gostos. Fiquei sabendo de gente que faz o uso de óculos com lentes transparentes (sem graus) apenas para compor o look. Ora, faça-me o favor!
Mas como dizia a “veia”, aquela que comia ranho: Gosto é gosto.
 
(...)
 
Já tive alguns pares de óculos... a escolha do aro é a parte mais chata, mas serve como teste para saber se as atendentes de ópticas são sinceras ou legítimas vendedoras. Na opinião delas, eu tenho um rosto que se encaixa em qualquer tipo de aro... a única pessoa que pensa da mesma maneira chama-se Olga, minha mãe.

As mães nunca acham os filhos feios, por mais que sejam. As vendedoras nunca acham que uma roupa ou um acessório não ficou bem, no cliente... Isso é uma característica genética mutante que as mulheres possuem e que fica oculta até a maternidade e/ou até o dia de serem contratadas pelo comércio de vestuário e ópticas.
 
(...)
 
O que mais me incomoda nos óculos, além de todo o resto que o compõe, é o custo, os olhos da cara (ridículo este trocadilho).

Um belo dia resolvi mudar, fui atrás de lentes de contato... já não cabia mais a estratégia de tentar esconder uma paralisia facial atrás de uma mascara de ferro com lentes. Escolher uma lente de contato não deveria ser tão difícil quanto a escolha da armação. Já de cara resolvia um dos problemas, não julgar a atendente por parecer simpática demais.

Lentes compradas, sorriso no rosto. Havia feito algo que mudaria por completo a minha vida. Só não iria mais ter a desculpa pelos chutes na canela e a velha falta de habilidade na hora de dominar a bola... pensei seriamente em esconder o uso das lentes e revelar apenas depois de um lance majestoso, não sei mentir e sabia que não haveria tal lance.
 
(...)
 
Nas primeiras semanas acordava 2hs mais cedo, para não correr o risco de atrasar a minha filha para a escola... as primeiras semanas duraram três meses. Hoje, um ano e meio depois, nem uso o espelho.
 
(...)
 
Hoje, estou de óculos, as lentes estavam me causando um desconforto estranho... acho que meus olhos estavam precisam de um descanso.
 
(...)
 
Bueno, desce mais uma e encerra a conta... antes que o mundo acabe.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

A idade certa para cada coisa - Uma breve análise da linha da vida!

4 de dezembro de 2012. Menos de 30 dias para este ser humano que vos escreve, completar 40 voltas em torno do Sol. Apesar da correria deste final de ano, tenho pensado muito o que significa entrar nos "enta".
Uma amiga disse que nunca foi de pensar muito na vida, em questões existenciais, mas de um tempo pra cá está bastante reflexiva.
Vamos relembrar como funciona essa linha da vida?

Da infância até os 12 anos, o cérebro trabalha feito louco! É o que os neurologistas chamam de exuberância sináptica. Ou seja, se aprende com uma facilidade tremenda.
Neste período descobrimos o mundo, e ele por sua vez, começa a dar indícios de como a vida pode ser doce e amarga ao mesmo tempo...
Ok! Superamos a infância e ganhamos a famosa e conflituante adolescência ou seria aborrescência?
Pare o ônibus que eu quero descer!!!!!!!!!!! Relembrar este período pode ser doloroso.
Tudo é MACRO!!!! Do beijo na boca ao corte de cabelo que saiu errado.
Me poupe! Pobre dos pais que precisam lidar com isso em um momento em que já esqueceram como era ser um integrante da mesma tribo.
Então, dos 20 aos 30 anos saímos em busca de novas experiências, gozando de maior liberdade. Oba! Aqui o cérebro já queimou alguns neurônios e passamos a entender a complexidade das coisas mais abstratas, leia-se: - "tomando muito na cara"!
É meu caro, a maturidade psíquica leva tempo pra caralho! E POR CERTO, ALGUNS NUNCA CHEGARÃO LÁ!
E o que vem   quando entramos nos enta?
Agora cheguei n X da questão.
Não sei a resposta!
A partir de janeiro inicio um novo ciclo de vida e não parei para pensar se estou apavorada ou extasiada!
Lembrei da narradora do livro da Lya Luft (O tigre na sombra) quando diz: "o fluxo da vida é singularmente persistente". Assim, vou persistir!!!! E mais! Vou seguir o conselho da Dôda, personagem deste livro - Nada de culpas! Me liberto de todas elas!
Entro nos quarenta novinha em folha (metaforicamente falando!)
"A culpa é uma mochila cheia de tijolos, você leva pra cá, pra lá, e não adianta nada".
Portanto, abra esta mochila que você comprou lá nos seus 20 e poucos anos, e jogue todo o peso fora! Alivia um pouco a tua caminhada.
E por favor, não espere chegar aos 40 como eu para fazer isso!
Bom final de terça pra vocês!

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

domingo, 2 de dezembro de 2012

.adeus olímpico monumental.

Quis o destino que o último jogo oficial do Olímpico fosse um GREnal, quis que o fim de uma era fosse marcado com o clássico dos clássicos, afinal todo RS , metada de SC e uma parte do PR estarão ligados nesse jogo. Pessoalmente não acho que o GREnal é um campeonato a parte, mas respeito que pense assim, afinal o inter dá prêmio para os jogadores ganharem o GREnal, o Grêmio eu não sei, mas deve ser igual, porque somos iguais, apenas temos cores diferentes. Acho que o último jogo do Olímpico é mais relevante do que o GREnal, por isso me lembro mais da final da Libertadores em 83, estávamos lá eu e meu pai, atrás da goleira onde o César fez o gol do título, bem na nossa frente, alias nos anos 80 eu e meu pai fomos muito ao Olímpico, GREnais com o Renato, o do frango do Taffarel num cruzamento do Jorge Veras e até nos GREnais do século, o Olímpico e o Grêmio do Felipão nos anos 90 eram uma dupla perfeita, sozinho fui no jogo contra o Palmeiras do Luxa em 96, que o bandeirinha nos roubou e fechou o tempo depois do jogo. Fui muito ao Olímpico e tive ótimos momentos, como todos gremistas e colorados também tiveram.
Bueno, adeus Olímpico e bem-vinda Arena, eu olho para o futuro e espero que o Grêmio se torne maior do que seu novo estádio.

A dupla: Pela primeira vez vou escrever antes do jogo, o Grêmio é o favorito:
GRE: Estamos sem nosso ataque titular, se der a lógica 1x0 pra nós, igual ao GREnal do Beira-Lago, mas a torcida vai empurrar pra cima e o Grêmio não jogou bem com o estádio lotado, parece que pesa a camiseta, esse é o perigo.
NAL: se os caras quiserem jogar vai ser parelho, a desvantagem do co-ermão é que não tem organização tática e depende exclusivamente da capacidade individual dos jogadores, eles têm qualidade, mas será suficiente? A partir das 17hs veremos.


Bom GREnal pra todos.

“Quero domingo uma guerra santa
Pra incendiar o "Porto", que vai ter GRENAL
Enquanto isso nos fundões do estado
A platéia vibra "nalgum" festival” (Pirisca Grecco)